Conteúdo

Herpes ocular: o que é e como tratar?

Aposto que você já ouviu falar de herpes na região dos lábios. Esse mesmo vírus pode infectar os olhos, provocando sintomas ainda mais desagradáveis e nocivos.

Como contraímos herpes ocular?

O herpes ocular pode ser contraído quando entramos em contato com áreas de secreção da doença, como a saliva ou as bolsas de herpes nos lábios.

Esse contato também pode ser indireto, caso as mãos toquem numa secreção de herpes e transmitam aos olhos.

Precisamos entender que nem sempre o vírus se manifesta imediatamente. Ele pode ficar quietinho no corpo por um bom tempo, até o momento em que algum fator — como a imunidade baixa — favoreça sua ativação.

Por que esse vírus pode ser tão nocivo?

O herpes ocular pode ter “idas e vindas” e se agravar com o tempo. Outro problema é que, muitas vezes, ele demora para ser identificado, podendo levar a danos irreversíveis na visão se tratado indevidamente.

Quais os sintomas de herpes ocular?

Os principais sintomas de herpes ocular são:

  • Maior sensibilidade à luz;
  • Coceira nos olhos;
  • Vermelhidão e irritação;
  • Sensação de que há algo na visão;
  • Visão embaçada;
  • Olho lacrimejando mais do que o normal;
  • Bolhas ou úlceras, com bordas avermelhadas e líquidas na pele dos olhos;
  • Em casos mais avançados: ferida na córnea, febre e perda de visão.

Como tratar o herpes ocular?

Existem diversos tratamentos para herpes ocular: à base de pomada, através de comprimidos orais ou via colírio. No entanto, a rapidez do diagnóstico e do tratamento são essenciais para um bom resultado.

Por isso, busque um oftalmologista assim que sentir uma anormalidade ou desconforto nos olhos. Medidas caseiras inadequadas podem levar a graves consequências, como a perda de visão.

Também é importante entender que, mesmo quando tratado, o herpes ocular não tem uma cura permanente. Ele pode se manifestar novamente ao longo da vida. Então, devemos nos manter atentos aos sintomas e realizar acompanhamento constante com o oftalmologista.

Em caso de suspeita da doença, agende uma visita com o Grupo HOSP. Nossos especialistas estão prontos para diagnosticar corretamente o herpes ocular e realizar acompanhamentos que evitem a reativação do vírus.

Podemos prevenir o herpes ocular?

Por ser uma infecção provocada por vírus, evitar o contágio é bastante difícil. O que podemos fazer é criar hábitos saudáveis, que diminuam as chances de contração da doença ou evitem seu estágio agravado.

Alguns hábitos recomendáveis:

  • Lavar sempre as mãos;
  • Manter uma alimentação saudável, para garantir boa imunidade;
  • Higienizar bem as lentes de contato;
  • Não dividir lápis de olho, rímel ou outros itens de maquiagem;
  • Em caso de contato com alguém que tenha herpes, evitar o toque.

Essa dica foi útil? Compartilhe com outras pessoas e ajude a evitar o agravamento do herpes ocular.

Compartilhar:

14 respostas

  1. Oi bom dia. Minha sogra descobriu aos oitenta anos que tem esse vírus oque fazer já q tenho levado ela ao médico passam pomadas mas dali à alguns dias volta denovo a doença.

    1. Solange, isso aconteceu comigo em 2016. Infelizmente só tive solução quando tiver uma repetição da doença grave e estava fora do país, onde fui encaminhada para um hospital preparado para tratar do problema. Leve ela a um infectologista, há necessidade de intervenção medicamentosa (no meu caso foi prescrito aciclovir, em duas etapas: uma mais forte, de ataque, e outra preventiva, com uma dose menor por cerca de dois anos – há necessidade de acompanhamento médico, nunca se automedique). Antes dessa intervenção medicamentosa, eu tive diversas reincididas da doença pois os oftalmologistas que fui apenas passavam pomadas e colírios. Isso estava comprometendo minha visão, pois formam-se cicatrizes na córnea. Depois da medicação eu nunca mais tive reincindiva.

    1. Antonio, isso aconteceu comigo em 2016. Infelizmente só tive solução quando tiver uma repetição da doença grave e estava fora do país, onde fui encaminhada para um hospital preparado para tratar do problema. Leve ela a um infectologista, há necessidade de intervenção medicamentosa (no meu caso foi prescrito aciclovir, em duas etapas: uma mais forte, de ataque, e outra preventiva, com uma dose menor por cerca de dois anos – há necessidade de acompanhamento médico, nunca se automedique). Antes dessa intervenção medicamentosa, eu tive diversas reincididas da doença pois os oftalmologistas que fui apenas passavam pomadas e colírios. Isso estava comprometendo minha visão, pois formam-se cicatrizes na córnea. Depois da medicação eu nunca mais tive reincindiva.

  2. Oi meu filho a anos vem sofrendo esses sintomas fizemos tratamento mas nunca nénhum médico me deu laudo do que era ficava olhos fechados vermelhos bem vermelho não conseguia abrir olhos e quando abria vermelho e lacrimejando .foram anos ele sofre com depressão vi reportagem também pode estar ligado a Isso na época passamos uma separação muito conturbada e ele foi abandonado pelo pai nossa vendo essa reportagem será e ele do nada olho dele incha

  3. Bom dia eu tem essa doação no meu olho fiquei boa mais dias desse volto essa doação no meu não fiquei boa

  4. Fui diagnosticado com herpes ocular fiz um longo tratamento e nada. O médico me aconselhou fazer cirurgia, fiz e tive uma surpresa,ele me arrancou 40%da minha iris ai perdi a visão esquerda 100%.
    Pesem bem antes de fazer uma cirurgia açougueiro estão em todos os lugares.

    1. Boa tarde, fui diagnosticado a 3 dias oftalmologista passou um antibiótico específico pra doença e uma pomada já estar bem melhor, estou tomando valtrex de 500 mg é bem caro mais muito bom e a pomada zovirax muito boa tbm mais de qualquer forma vai no oftalmologista e fala pra ele desses medicamentos que estou te falando

  5. Porfavo tenho os sintomas dói muito o oftalmologista não concigue resolver vocês pode me acho da

  6. Pessoal é a visão embaçada ,fica por muito tempo ?estou há uma semana ,a médica disse que demora voltar a visão normal ,aconteceu com vcs ?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agende sua consulta